Quem criou a latitude e a longitude ?



Um sistema de coordenadas geográficas é um sistema de coordenadas que permite que cada local da Terra possa ser especificado por um conjunto de números. Uma escolha comum de coordenadas é latitude, longitude e altitude.

Define-se latitude como a coordenada geográfica definida sobre uma esfera, elipsóide ou superfície terrestre, que especifica a posição norte-sul de um ponto. Linhas de latitude constante possuem a mesma duração do período diurno e são chamadas de paralelos à Linha do Equador. A latitude de um ponto é o ângulo entre o plano equatorial e à normal à superfície de referência.

Podemos definir a longitude como a coordenada geográfica definida sobre uma esfera, elipsóide ou superfície terrestre, que especifica a posição leste-oeste de um ponto.  Pontos em uma mesma longitude possuem o mesmo horário (em relação à rotação da Terra) e são chamados de meridianos, convencionalmente uma linha que se inicia do Pólo Norte para o Pólo Sul. O meridiano central por convenção é o Meridiano de Greenwich .

Em geral, cria-se uma grelha básica entre latitude e longitude, definindo-se um ponto na esfera, elipsóide ou superfície terrestre como uma combinação única entre coordenadas de latitude e longitude.

Pioneiros da conceitualização e aplicação da Latitude e Longitude

A idéia sobre a latitude e longitude é antiga, fruto da observação do Sol e das estrelas em diferentes pontos da Terra, sendo encontrada de forma rudimentar, por exemplo, nas obras astronômicas babilônicas e chinesas. No entanto, a definição consistente de uma grelha formada pelas linhas imaginárias da latitude e longitude foram propostas por matemáticos e astrônomos gregos. O inventor da primeira proposta conhecida de sistema de latitude e longitude é o matemático Eratóstenes (276-194 AEC- AEC) , no século 3 AEC, cuja técnica foi dividir o círculo, de forma simplificada, em 60 partes. Por volta do século 2 AEC, Hiparco (190-120 AEC) trouxe para a Grécia conhecimentos babilônicos sobre a graduação sexagesimal do círculo, a partir do qual definiu de forma matemática consistente, a rede de paralelos e meridianos (Meridiano: latim Meridies “meio-dia”) sobre o globo terrestre, dividindo o círculo de 360º em 60 minutos de arco, além de utilizar a unidade babilônica do côvado. Assim, foi o primeiro a utilizar o sistema para especificar lugares no mundo e foi o primeiro a propor um sistema de determinação de longitude comparando a hora local de um lugar com um tempo absoluto determinado. Assim foi o pioneiro a reconhecer que a longitude pode ser determinada pelo reconhecimento acurado do tempo.

O filósofo greco-romano Ptolomeu (90-168 EC), em sua obra Geographia, compilou dados sobre o Império Romano no seu tempo, e construiu seu mapa sobre uma grade, estabelecendo a latitude a partir do Equador (mas fazendo as medições em comprimento do dia ao invés de grau de arco) e colocando a longitude 0 na região mais ocidental conhecida, chamada de Ilhas Abençoadas (provavelmente, na atualidade, Cabo Verde). Esta aplicação tornou-se referência do mundo ocidental no uso da longitude e latitude durante todo o período da Idade Média.

Histórico do estabelecimento preciso da Longitude

A determinação precisa da latitude é relativamente fácil, pois pode ser obtida a partir da medição da altitude do sol ao meio-dia com a ajuda de uma tabela ou ferramenta que dá a declinação do sol para o dia . No caso da longitude, ainda que a determinação do tempo em terra seja relativamente fácil, no caso do mar isto se torna mais complexo (afinal, o tempo dos relógios poderia ser alterado pelo balanço dos navios), o que fez os navegantes utilizarem apenas a latitude para navegar. Isto impedia o navio de tomar uma rota mais direta ou com condições mais favoráveis, estendendo as viagens e trazendo o perigo de crises e naufrágios para a tripulação.

Com o período das Grandes Navegações, a determinação precisa da Longitude tornou-se um problema de alta importância pelos países envolvidos nas navegações. O primeiro europeu a tentar propor uma solução para a Longitude foi o navegador italiano Américo Vespúcio. Algumas tentativas de determinar o tempo incluíram a observação das luas de Júpiter proposta por Galileu Galilei em 1612 (que não era adequada para uso no mar, mas que foi utilizada para determinação da longitude em terra) e esforços franceses que, baseados nas propostas de Galileu, levaram a criação de observatórios.

O naufrágio de uma frota naval britânica nas ilhas de Scilly em 1707, no entanto, levou a uma tentativa mais eficaz de determinação da Longitude. Isto porque considerou-se que o naufrágio foi resultado da incapacidade dos navegadores calcularem com precisão suas posições. O governo britânico instituiu, em 1714, o Board of Longitude, com o objetivo de resolver o problema da Longitude. O Board of Longitude instituiu o Prêmio da Longitude para aqueles que conseguissem resolver como determinar precisamente a Longitude . Duas propostas são de maior interesse:

  • Método da distância da Lua: com a criação do Observatório Real de Greenwich, um conjunto de estudiosos estava desenvolvendo pesquisas baseadas na determinação do tempo de acordo com a observação da posição da Lua proposta em 1514 por Johannes Werner. O astrônomo alemão Tobias Mayer produziu um conjunto de tabelas com posições precisas da Lua.  Baseado nestas tabelas, astrônomo inglês Nevil Maskelyne e sua equipe publicaram em 1767 o Almanaque Náutico e Efemérides Astronômicas, que se tornou o almanaque padrão dos marinheiros do mundo. O método de distância da Lua foi utilizado amplamente entre 1767 e 1850, apesar do almanaque ter sido publicado até o século XX .
  • Cronômetro Marítimo de John Harrison: o carpinteiro inglês John Harrison desenvolveu uma série de relógios cujo objetivo era servir como cronometro marinho baseado na hora de um local de referencia. Inicialmente o custo do cronometro era dispendioso, porém a partir de 1800, o custo dos cronômetros passou a diminuir, o que aumentou sua popularização no uso marítimo.

Como ambas as técnicas baseavam seus dados (observações da Lua e tempo) pelo Observatório de Greenwich, o horário de Greenwich tornou-se uma referência independente para determinação de fusos horários ao redor do mundo. A convenção foi adotada internacionalmente na Conferência Internacional do Meridiano em 1884. A telegrafia, criada em 1844, permitiu a sincronização mais precisa de observações das estrelas, o que permitiu melhorar significativamente a longitude, aperfeiçoada de forma ainda mais precisa através da sincronização por rádio no século XX..

Leia Mais

  • BERGREEN, J.L.; JONES, A. Ptolemy’s Geography: An Annotated Translation of Theoretical Chapters. Princeton: Princeton University Press, 2000.
    BROWN, L.A. The Story of Maps. New York: Dover, 1977.
  • CONNOR, J.J.; ROBERTSON, E.F. Longitude and the Académie Royale. Feb. 1997. In: MacTutor History of Mathematics. Disponível em: < http://www-history.mcs.st-andrews.ac.uk/PrintHT/Longitude1.html>. Acesso em: 12 de Junho de 2012.
  • HOUSE, D. Greenwich time and discovery of the longitude. Oxford: Oxford University Press, 1980.
  • LISLE, R.J.; BRABHAM, P.; BARNES, J. Basic Geological Mapping. 5. ed. West Sussex: John Wiley & Sons, 2011.
  • MISRA, R.P.; RAMESH A. Fundamentals of Cartography: Revised and Enlarged. New Delhi: Ashok Kumar Mittal, 1989.
  • POHL, F.J. Amerigo Vespucci: Pilot Major. New York: Columbia University Press, 1944.
  • ROLLER, D. W. Eratosthene’s Geography. Princeton: Princeton University Press, 2010.


Para citar este artigo

REVISTABW. Quem criou a latitude e a longitude ?.Revista Brasileira de Web. Disponível em http://www.revistabw.com.br/revistabw/quem-criou-a-latitude-e-a-longitude/. Criado em: 03/01/2013. Última atualização: 03/01/2013. Visitado em: 20/12/2014




Você também deveria ler


Cursos Online 24 Horas

Downloads Úteis: Adobe Acrobat PDF - VLC - Music and Video



O conteúdo da Revista Brasileira de Web é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil, exceto quando especificado claramente em contrário. Este é um site de conteúdos diversos e dicas gerais e não substitui a consultoria de um profissional devidamente qualificado. Isto significa que os assuntos aqui abordados possuem caráter geral e podem não ser adequados no seu caso. Leia nossos Termos de Uso e Privacidade .